Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sabores da minha cozinha

My kitchen Blog

Sabores da minha cozinha

My kitchen Blog

28
Nov17

Bochechas de porco com vinho do Porto

Margarida

IMGP6785-Bochechas de porco-Blog.JPG

A PORCO.PT lançou-me um desafio: confecionar uma receita com bochechas de porco.pt. Uma carne de porco com qualidade certificada, genuinamente portuguesa, em que todo o seu processo de criação é efetuado em Portugal.

Hoje partilho convosco esta receita em que as bochechas de porco foram cozinhadas no tacho, depois de terem estado algum tempo aconchegadas numa deliciosa marinada, repleta de sabores. Mais tarde, foram lentamente cozinhadas para que todos os sabores fossem absorvidos. No final, regadas com vinho do Porto, conferindo-lhes um sabor único.

Comprovado, o que é nacional é bom!!

IMGP6787-Bochechas de porco-Blog.jpg

Ingredientes

1 kg de bochechas de Porco PT

100 g de bacon fumado

3 cebolas médias

2 cenouras grandes

azeite q.b.

alecrim & salsa (faça um molho atado com fio de cozinha)

1 cálice de vinho do Porto

 

p/ marinada

1 cabeça de alhos

sementes de piripiri q.b.

2 folhas de louro

sal & pimenta q.b.

1 copo de vinho branco

 

Preparação

Comece por preparar a marinada: disponha as bochechas num recipiente, acrescente a cabeça de alhos cortada ao meio, adicione as sementes de piripiri, as folhas de louro, um pouco de sal e pimenta e regue com o vinho branco. Envolva bem e deixe marinar cerca de uma hora.

Entretanto, corte o bacon em pedaços, descasque e corte em pedaços as cebolas e as cenouras.

De seguida, num tacho aqueça um fio de azeite, adicione o bacon e deixe dourar alguns minutos. Retire para um recipiente e reserve.

No mesmo tacho disponha as bochechas e deixe a carne selar de ambos os lados. Retire para o recipiente do bacon. Reserve o líquido da marinada.

Ainda no mesmo tacho adicione as cebolas e as cenouras, deixe cozinhar alguns minutos e envolva. Acrescente o bacon e as bochechas reservadas, envolva e deixe cozinhar alguns minutos. Adicione o líquido da marinada coado que foi reservado e o molhinho do alecrim e salsa. Deixe levantar fervura, depois reduza o lume para o mínimo e deixe cozinhar lentamente, tapado durante 30 minutos.

Passado esse tempo, regue com o cálice de vinho do Porto, envolva e deixe cozinhar em lume brando até que as bochechas fiquem tenras e macias, cerca de 45 minutos, 1 hora.

Sirva as bochechas com uma esmagada de batata.

IMGP6782-Bochechas de porco-Blog.JPG

IMGP6780-Bochechas de porco-Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil; doses- 4.

Selo - PORCO.PT.png

 

13
Jun17

Entrecosto no forno à portuguesa

Margarida

IMGP6383-Entrecosto no forno à portuguesa-Blog.JP

Entrecosto assado com sabor à portuguesa…

Para o seu tempero, optei por barrar o entrecosto com massa de Pimenta da Terra, uma iguaria com sabor açoriano que trouxe há pouco tempo da ilha de São de Miguel.

No entanto, pode optar por outro tempero. Com a ajuda de um almofariz faça uma massa de alho, pimentão e um pouco de azeite. Barre o entrecosto com esta massa.

IMGP6385-Entrecosto no forno à portuguesa-Blog.JP

Ingredientes

1,5 kg de entrecosto

sal & pimenta q.b.

3 colheres (sopa) de Pimenta da Terra

2-3 folhas de louro

alecrim q.b.

1 cabeça de alhos

1 chouriço de carne

azeite 3 Castelos q.b.

1 copo de vinho branco

 

Preparação

Num tabuleiro de forno, coloque o entrecosto, tempere-o com um pouco de sal e pimenta de moinho.

Barre o entrecosto com a massa de Pimenta da Terra, esfregue de ambos os lados.

De seguida acrescente o louro e o alecrim. Disponha por cima, a cabeça de alhos cortada ao meio e o chouriço cortado em rodelas grossas.

Regue com um fio de azeite e o vinho branco. Deixe marinar cerca de 2 horas.

Leve ao forno, previamente aquecido a 180º, cerca de 1 hora ou 1h30, regando com o próprio molho sempre que necessário.

Sirva o entrecosto com batatinhas assadas que podem também ser assadas no próprio tabuleiro do entrecosto.

IMGP6387-Entrecosto no forno à portuguesa-Blog.JP

IMGP6389-Entrecosto no forno à portuguesa-Blog.JP

Em dia de Santo António,

          Cantam os populares,

          Receitas portuguesas

          São os melhores manjares.

IMGP6389-Entrecosto no forno à portuguesa-Blog.JP

 

Informação: tempo de preparação- 1h30; dificuldade- fácil; doses- 4.

Fonte: receita adaptada de Continente Magazine; junho 2017.

06
Jun17

Arroz doce

Margarida

IMGP6348-Arroz doce-Blog.JPG

Uma sobremesa deliciosa em que o seu aroma nos transporta à cozinha da mãe, ao seu arroz doce cozido em leite e açúcar, temperado com casca de limão e um pau de canela. Uma receita que a mãe seguia à risca tudo aquilo que a avó lhe havia ensinado, enquanto isso nós aguardávamos impacientemente a hora de podermos rapar o tacho.

Hoje, a receita foi adaptada à Bimby , preparei-a com dose q.b de amor e carinho que resultou muito bem, igualmente saborosa e cremosa tal qual a receita da mãe.

IMGP6349-Arroz doce-Blog.JPG

Ingredientes

1000 g de leite

150 g de arroz p/ sobremesas

1 limão (casca, só a parte amarela)

1 pau de canela

1 pitada de sal

4 gemas de ovo

160 g de açúcar

canela q.b. p/ polvilhar

 

Preparação

No copo da BimBy, coloque o leite, o arroz, três tiras da casca de limão, o pau de canela e o sal, envolva bem com a ajuda da espátula. Programe 40 min/ 90º C/ lâmina invertida/ vel. colher.

Num recipiente, coloque as gemas e um pouco do leite do copo, misture bem com a ajuda de um garfo.

Acrescente o açúcar, a mistura das gemas e envolva bem com a ajuda da espátula. Programe 10 min/ 90º C/ lâmina invertida/ vel 1.5.

De seguida, retire para taças individuais e deixe arrefecer.

Sirva o arroz doce polvilhado com canela em pó.

IMGP6352-Arroz doce-Blog.JPG

IMGP6355-Arroz doce-Blog.JPG

IMGP6357-Arroz doce-Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- 1 hora; dificuldade- fácil; doses- 8.

Fonte: ABC da Bimby; pag. 284.

20
Set16

Areias

Margarida

IMGP5287-Areias - Blog.JPG

Uma receita tradicional adaptada à Bimby, muito simples e deliciosa para um lanche da tarde.

As areias são pequenos biscoitos tradicionais que surpreendem sempre os nossos amigos ou familiares. Receita, com algumas variantes, bastante comum na casa de nossos pais e avós que nos trazem sempre numerosas recordações.

Receitas para recordar…

IMGP5280-Areias - Blog.JPG

Ingredientes

300 g de farinha

100 g de açúcar, mais q.b. p/ envolver

200 g de manteiga à temperatura ambiente

raspa da casca de ½ limão

1 pitada de sal

 

Preparação - Bimby

Aqueça o forno a 180º. Forre o tabuleiro do forno com papel vegetal e reserve.

No copo da Bimby, coloque a farinha, o açúcar, a manteiga, raspa de limão e o sal, misture 30 seg/ vel 6.

Molde pequenas bolas do tamanho de uma noz e coloque-as no tabuleiro reservado.

Leve o tabuleiro ao forno, previamente aquecido a 180º, cerca de 15 minutos.

Retire as bolas com cuidado e passe de imediato por açúcar.

Deixe arrefecer sobre uma rede antes de servir.

Poderá guardar as areias num frasco hermético.

IMGP5282-Areias - Blog.JPG

 

IMGP5281-Areias - Blog.JPG

IMGP5286-Areias - Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- 30 minutos; dificuldade- fácil; doses- 30-40 unidades.

Fonte: receita adaptada de ABC da Bimby; bolos & biscoitos; pag. 344.

08
Abr16

Arroz de bacalhau com tomate & pimentos

Margarida

IMGP4584-Arroz de bacalhau-Blog.JPG

Uma receita simples e agradável de preparar este arroz de bacalhau, rende sempre algumas porções a mais e fica bastante económico.

Um prato tradicional da nossa gastronomia, não fosse o bacalhau um dos peixes mais consumido no nosso país. Com ele podemos preparar imensas receitas e quando se trata de refeições familiares o bacalhau marca sempre a sua presença.

Poderia ter optado por confecioná-lo apenas com tomate, mas adicionei o pimento que lhe confere um sabor único e delicioso. Escaldei as postas de bacalhau, apenas lhe dei um "entalão" como diz a minha mãe, aproveitando assim o caldo para fazer o arroz.

IMGP4589-Arroz de bacalhau-Blog.JPG

Ingredientes

1-2 lombos de bacalhau demolhado

1 cebola

1 dente de alho

azeite q.b.

1 molho de coentros

3 tomates sem sementes

1 pimento vermelho

pimenta q.b.

açafrão q.b.

1 ½ chávena almoçadeira de arroz carolino Bom Sucesso

 

Preparação

Dê uma fervura ao bacalhau, apenas 2-3 minutos. Reserve o caldo.

Deixe arrefecer, tire a pele e as espinhas ao bacalhau e faça-o em lascas.

Num tacho, faça um refogado com um fio de azeite, a cebola e o alho picados. Deixe alourar um pouco.

Adicione o bacalhau e envolva. Acrescente os coentros picados grosseiramente, os tomates e o pimento cortados em quadrados.

Tempere com pimenta, uma pitada de açafrão, tape o tacho e deixe cozinhar um pouco.

Adicione o caldo reservado (o dobro do volume do arroz). Retifique os temperos.

Deixe levantar fervura. Adicione o arroz, mexa e deixe cozer cerca de 10-15 minutos em lume brando e com o tacho tapado. Se desejar o arroz mais malandrinho acrescente mais um pouco do caldo.

Sirva o arroz com coentros picados.

IMGP4590-Arroz de bacalhau-Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- 45 minutos; dificuldade- fácil; doses- 4.

Receita patrocinada por: ORIVÁRZEA

logo Bom Sucesso.jpg

 

01
Mar16

Empada de galinha com cogumelos salteados

Margarida

IMGP4461-Empada de galinha com cogumelos salteados

Mais uma edição do Dia Um… Na Cozinha, o tema deste mês fez-nos trabalhar com o rolo da massa, acender os fornos e deixar que os aromas quentes e deliciosos das empadas invadissem as nossas cozinhas. Pequenos salgados muito populares da nossa gastronomia, constituídos por uma massa de farinha de trigo com diversos recheios e uma tampa feita da mesma massa.

Segundo se consta, as empadas teriam a influência dos pastelões portugueses bastante comuns na nossa gastronomia durante a época medieval. Mais tarde, século XIX, foram transformados em pequenos salgados vendidos habitualmente em cafés e padarias. Hoje em dia, salgados indispensáveis em qualquer destes espaços.

A minha opção recaiu sobre uma agradável empada de tamanho familiar. Fazendo assim o aproveitamento de um saboroso assado de galinha com molho de laranja que havia sobrado.

Foram salteados alguns cogumelos com coentros e posteriormente acrescentados ao recheio da galinha desfiada e seu respetivo molho. Resultou num casamento perfeito de sabores. Uma delícia!

E como os tempos são outros, para a preparação da massa não poderia dispensar a ajuda da Bimby que me faz sempre poupar algum tempo na cozinha.

Por isso, já sabe, sempre que tiver sobras de carne ou galinha assada, aproveite e faça pequenas empadas ou uma empada gigante. Desta forma, nada se desperdiça!

IMGP4462-Empada de galinha com cogumelos salteados

Ingredientes

p/ massa de empada

50 g de água

50 g de azeite

50 g de vinho branco

80 g de banha

2 colheres (chá) de fermento de padeiro

1 ovo

450 g de farinha tipo 65

1 colher (chá) de sal

 

p/ recheio

½ galinha assada no forno e respetivo molho

200 g de cogumelos laminados

azeite q.b.

1 molho de coentros

2 colheres (sopa) de farinha

2 gemas de ovo batidas com um fio de leite

1 ovo para pincelar

 

Preparação

Preparação da massa de empada feita na Bimby: no copo da Bimby, coloque a água, o azeite, o vinho branco, a banha e o fermento, aqueça 2 min/ 37º C/ vel 2.

De seguida, adicione o ovo, a farinha e o sal, amasse 2 min/ vel. espiga. Retire a massa para um recipiente, tape com um pano e deixe levedar num local morno cerca de 40 minutos.

Para o recheio: desosse a galinha, elimine as peles, desfie e coloque num recipiente juntamente com o molho previamente coado.

Numa frigideira, aqueça um fio de azeite e salteie os cogumelos juntamente com os coentros picados. Deixe evaporar o líquido que se vai formando.

De seguida, adicione a mistura da galinha e envolva bem, acrescente a farinha e mexa. Adicione as gemas batidas com um fio de leite, envolva e deixe cozinhar alguns minutos. Reserve.

Entretanto, unte uma forma redonda, de fundo amovível, com manteiga e polvilhe com farinha.

Divida a massa em duas partes desiguais. Numa bancada polvilhada com farinha, estenda a parte maior, com a ajuda de um rolo. Coloque na forma e acrescente o recheio. Estenda a outra parte da massa, cubra o recheio e una os bordos da massa de baixo para cima. Para que a empada fique bem fechada.

Bata o ovo e pincele toda a empada. Com a ajuda do bico de uma tesoura, faça um furo no centro da empada para que possa permitir a saída do vapor.

Leve ao forno, previamente aquecido a 200º, cerca de 30 minutos.

 

IMGP4464-Empada de galinha com cogumelos salteados

IMGP4468-Empada de galinha com cogumelos salteados

IMGP4465-Empada de galinha com cogumelos salteados

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil; doses- 6.

Logotipo Dia Um... Na Cozinha Março 2016 (1).jpg

 

 

25
Jan16

Sopa de peixe com massa cotovelinho

Margarida

IMGP4365-Sopa de peixe com massa cotovelinho-Blog.

Sopa de peixe um prato típico da culinária portuguesa. Tão rico em ingredientes como em sabores, estes valem por si só como um simples e delicioso prato principal.

Desta vez, apenas me coube a tarefa de partilhar convosco esta receita, quanto à sua confeção coube ao nosso chefe caseiro que esteve de serviço, pois é um especialista no que diz respeito a esta iguaria.

Uma sopa reconfortante que sabe sempre bem…

IMGP4363-Sopa de peixe com massa cotovelinho-Blog.

Ingredientes

1 cabeça de garoupa

2 posta de garoupa

400 g de miolo de camarão

500 g de amêijoas

4 cebolas

4 dentes de alho

6 colheres (sopa) concentrado de tomate

1 malagueta seca

1 dl de vinho branco

½ pimento vermelho

2 folhas de louro

2 batatas grandes

2 cenouras

1 chávena almoçadeira de massa cotovelinho

1,5 dl de azeite

sal q,b,

caldo de peixe q.b.

coentros q.b.

 

Preparação

Numa panela com água, temperada de sal, coza o peixe durante 15 minutos.

Retire o peixe do caldo,  limpe-o de peles e espinhas. Reserve o peixe e o caldo para a confeção da sopa.

Entretanto, num tacho deite o azeite juntamente com as cebolas e os alhos picados, deixe refogar alguns minutos. Acrescente o concentrado de tomate e a malagueta, envolva e deixe cozinhar alguns minutos. Regue com o vinho branco e deixe evaporar ligeiramente.

Adicione ½ pimento cortado em cubos e as folhas de louro, deixe cozinhar mais uns minutos e acrescente um pouco do caldo do peixe se necessário.

De seguida, adicione as batatas e as cenouras cortadas em cubos, acrescente mais um pouco do caldo de peixe, deixe cozinhar cerca de 5-10 minutos em lume brando.

Adicione mais caldo de peixe, deixe levantar fervura e junte a massa cotovelinho, deixe cozinhar cerca de 8-10 minutos em lume brando.

A seguir, acrescente o miolo de camarão, o peixe reservado em lascas e as amêijoas, deixe cozinhar mais 5-10 minutos até as amêijoas abrirem as conchas e a sopa apurar.

Retifique os temperos e retire o louro.

Sirva a sopa polvilhada com coentros picados.

IMGP4360-Sopa de peixe com massa cotovelinho-Blog.

 

IMGP4362-Sopa de peixe com massa cotovelinho-Blog.

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil; doses- 6.

Fonte: receita adaptada de “Gastronomias

21
Abr15

Cataplana de polvo com batata-doce

Margarida

IMGP3344-Cataplana de polvo com batata-doce-Blog.J

Já aqui tenho publicado algumas receitas, testadas e aprovadas, confecionadas na cataplana. Este utensílio de cozinha, típico da região do Algarve, confere aos alimentos um sabor único e delicioso, uma vez que tem a função de cozinhar os alimentos muito lentamente ao vapor.

Aproveitando a sugestão do blog Notas soltas & coisas doces confecionei, para o almoço de domingo, esta receita algarvia que nos deixou completamente rendidos ao seu sabor e aroma.

Ficaram a faltar as amêijoas que se poderão adicionar como opção, ficarão para uma próxima vez... 

IMGP3345-Cataplana de polvo com batata-doce-Blog.J

Ingredientes

1 polvo cozido

5-6 batatas-doces

100 g de toucinho magro cortado em cubos

1 cebola grande

1 pimento vermelho

1 pimento verde

2 dentes de alho laminados

1 malagueta

1 folha de louro

1 dl de azeite

1 dl do caldo de cozedura do polvo

½ copo de vinho branco

colorau q.b.

coentros

alecrim, tomilho e hortelã q.b.

sal q.b.

 

Preparação

Para cozer o polvo: deve cozer o polvo de véspera com 1 cebola, 2 dentes de alho esmagados com casca e 1 malagueta, cerca de 45 minutos. Reserve o caldo, corte o polvo em pedaços e reserve.

Descasque e coza as batatas. Deixe arrefecer, corte às rodelas grossas e reserve.

Na cataplana, verta um fio de azeite, deixe aquecer e adicione o toucinho, deixe alourar alguns minutos. De seguida, acrescente os alhos laminados para aromatizar o azeite.

Adicione, a cebola cortada às rodelas, os pimentos cortados às tiras e a folha de louro. Envolva e deixe tomar gosto. Refresque com o vinho branco e deixe ferver.

Acrescente, o polvo, o colorau, as batatas e um pouco do caldo de cozer o polvo. Adicione as ervas, previamente picadas. Tape a cataplana e deixe cozinhar lentamente, a uma temperatura média-baixa, cerca de 5-10 minutos.

Sirva a cataplana com coentros picados.

 

IMGP3348-Cataplana de polvo com batata-doce-Blog.J

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil: doses- 4

FonteNotas soltas & coisas doces

22
Jan15

Bife à café

Margarida

IMGP2793-Bife à café-Blog.JPG

Esta quinzena, o grupo Quinze dias com… quis homenagear a chef Filipa Vacondeus propondo-nos que preparássemos uma das suas deliciosas receitas.

Filipa Vacondeus tinha uma capacidade enorme de cozinhar pratos deliciosos a baixo custo e “os mais de 30 anos durante os quais se dedicou à cozinha” fizeram desta chef “uma cozinheira de exceção, aliando os sabores tradicionais às exigências da vida quotidiana”.

Filipa Vacondeus - 2015.png

O Bife à café é sem dúvida uma especialidade típica das cervejarias portuguesas, contudo a sua confeção tem muitas variantes. Este foi preparado da mesma forma que a chef Filipa Vacondeus preparava, há bem pouco tempo partilhou-o connosco no seu programa "À boleia da Filipa", no canal 24 Kitchen.

 

Esta receita fez-me recordar o "Bife à café Império", há iguarias impossíveis de esquecer...

 

IMGP2795-Bife à café-Blog.JPG

Ingredientes

2 bifes da vazia

2-3 colheres (sopa) de manteiga

2 alhos

Natas q.b.

1 colher (café) de mostarda

3 colheres (sopa) de café

Sumo de limão q.b.

Sal e pimenta q.b.

2 ovos

 

Preparação

Numa frigideira, aqueça uma porção de manteiga. Adicione os dentes de alho esborrachados e deixe fritar um pouco.

Tempere os bifes com sal e pimenta moída no momento. Retire o alho da frigideira e introduza os bifes, deixe-os alourar um pouco de ambos os lados. Retire os bifes para um recipiente e deixe suar durante uns minutos. Entretanto, faça o molho: adicione mais um pouco de manteiga, as natas, a mostarda, o café, umas gotas de limão e o suco que se formou no recipiente dos bifes. Mexa e adicione os bifes, deixe cozinhar a seu gosto, médio ou mal passado.

Sirva o bife, num prato aquecido, com um ovo estrelado a cavalo. 

 

IMGP2799-Bife à café-Blog.JPG

 

Informação: tempo de preparação- rápido; dificuldade- fácil; doses- 2 pessoas.

Fonte: Receitas da Filipa Vacondeus.

16
Nov14

Lombo de porco assado com migas de batata.

Margarida

Hoje é domingo, um dia de outono chuvoso, dia da família, mesmo a apetecer ligar o forno e fazer um assado que ficou a marinar de véspera. 

Um assado e um poema... Assim se prepara um delicioso e reconfortante almoço de domingo. 

O regresso a casa

 

Os pássaros partiram pela manhã

bem cedo

o Outono voltou.

 

Algumas flores resistem

no jardim da frente.

 

Só o homem guardou o cheiro

do campo regado pela chuva.

 

Recordo agora

o teu regresso a casa

                                 Carlos Castilho Pais

 

A todos, um excelente domingo! 

IMGP2308-Lombo de porco preto assado-Blog.JPG 

Ingredientes (p/ 4 pessoas)

1 kg de lombo de porco preto

3 alhos esborrachados

1 colher (sopa) de massa de pimentão

1 colher (sopa) de banha

1 colher (sobremesa) de margarina

2 folhas de louro

½ copo de vinho branco

1 cebola

azeite q.b.

sal q.b.

piripíri q.b.

poejos q.b.

1 laranja para enfeitar.

 

p/ migas de batata

1 kg de batatas

2 alhos picados

coentros picados

banha q.b.

molho do assado q.b.

 

Preparação

Num almofariz, faça uma massa com um pouco de sal, alhos e o piripíri. Numa tigela, junte esta massa com a banha, a margarina e a massa de pimentão. Com esta massa barre, de ambos os lados, o lombo de porco. Coloque-o num recipiente, adicione as folhas de louro e reserve. Se possível deixe de um dia para o outro, hermeticamente fechado no frigorífico, pois acrescenta mais sabor à carne.

Numa assadeira, disponha a cebola cortada às rodelas, por cima coloque o lombo de porco, regue com o vinho e um fio de azeite. Acrescente por cima um pouco de poejos.

Leve a carne a assar ao forno, previamente ligado a 180º, cerca de 45-50 minutos, vá regando a carne com o próprio molho.

IMGP2305-Lombo de porco preto assado-Blog.jpg

Entretanto, prepare as migas de batata: descasque, corte as batatas e coza-as como se fosse fazer puré. Depois de cozidas, escorra-as e num recipiente esmague-as com a ajuda de um garfo ou esmagador e reserve.

Numa frigideira antiaderente, aqueça um pouco de banha e salteie os alhos picados e os coentros. Retire um pouco do molho da carne, que está a assar, e acrescente aos coentros, envolva e adicione as batatas esmagadas, retifique o sal. Com uma colher de pau, vá pressionando e dando a forma que pretender às migas.

Coloque num prato de servir e enfeite com rodelas de laranja.

IMGP2300-Migas de batata-Blog.JPG

Sirva a carne assada acompanhada das migas. 

 

IMGP2307-Lombo de porco preto assado-Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- 1h30m; dificuldade- médio.

Fonte: Workshop “Cozinha Alentejana

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Logotipo

Blogs Portugal

Parceiros

myTaste.pt Todas as receitas estão no Petitchef

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Desafios

World Bread Day

World Bread Day, October 16, 2017

Blogazine

Marca registada

Todos os textos e fotografias são "temperados e cozinhados" por este Blog. Caso pretenda utilizá-los, por favor, faça-lhes as devidas referências de autoria. Obrigada! Logotipo: bekinha.89@40hotmail.com

Translate my Blog