Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sabores da minha cozinha

My kitchen Blog

Sabores da minha cozinha

My kitchen Blog

Creme caseiro da Guarda

IMGP5752-Creme caseiro da Guarda-Blog.JPG

Este creme caseiro, bastante saboroso, é uma receita tradicional da região da Guarda.

Com a ajuda da Bimby, que veio facilitar a sua confeção, preparei esta deliciosa sobremesa tradicional em menos de uma hora.

Uma sobremesa cremosa com uma deliciosa superfície crocante devido à sua camada de açúcar queimado.

Sem dúvida, uma delícia!!

IMGP5753-Creme caseiro da Guarda-Blog.JPG

Ingredientes

500 g de leite

4 ovos

160 g de açúcar, mais q.b. p/ polvilhar

40 g de farinha

sumo de ½ limão

 

Preparação Bimby

No copo da BimbY, coloque o leite, as gemas, o açúcar, a farinha e o sumo de limão, envolva 15 seg/ vel 4.

De seguida coza 12 min/ 90ºC/ vel 2. Retire e reserve num recipiente.

Limpe o copo da Bimby e insira a borboleta. Coloque as claras e uma pitada de sal. Bata as claras 3 min/ vel 3.5.

Com a ajuda de uma vara de arames, envolva as claras batidas cuidadosamente com o preparado de leite reservado.

Verta para taças individuais ou para uma travessa e deixe arrefecer.

No momento de servir polvilhe com um pouco de açúcar e queime a sua superfície com um maçarico ou ferro para queimar.

 

IMGP5756-Creme caseiro da Guarda-Blog.JPG

IMGP5762-Creme caseiro da Guarda-Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- 40 min; dificuldade- fácil; doses- 8.

Fonte: Bimby à Portuguesa com certeza; pag. 101; novembro 2016.

Areias

IMGP5287-Areias - Blog.JPG

Uma receita tradicional adaptada à Bimby, muito simples e deliciosa para um lanche da tarde.

As areias são pequenos biscoitos tradicionais que surpreendem sempre os nossos amigos ou familiares. Receita, com algumas variantes, bastante comum na casa de nossos pais e avós que nos trazem sempre numerosas recordações.

Receitas para recordar…

IMGP5280-Areias - Blog.JPG

Ingredientes

300 g de farinha

100 g de açúcar, mais q.b. p/ envolver

200 g de manteiga à temperatura ambiente

raspa da casca de ½ limão

1 pitada de sal

 

Preparação - Bimby

Aqueça o forno a 180º. Forre o tabuleiro do forno com papel vegetal e reserve.

No copo da Bimby, coloque a farinha, o açúcar, a manteiga, raspa de limão e o sal, misture 30 seg/ vel 6.

Molde pequenas bolas do tamanho de uma noz e coloque-as no tabuleiro reservado.

Leve o tabuleiro ao forno, previamente aquecido a 180º, cerca de 15 minutos.

Retire as bolas com cuidado e passe de imediato por açúcar.

Deixe arrefecer sobre uma rede antes de servir.

Poderá guardar as areias num frasco hermético.

IMGP5282-Areias - Blog.JPG

 

IMGP5281-Areias - Blog.JPG

IMGP5286-Areias - Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- 30 minutos; dificuldade- fácil; doses- 30-40 unidades.

Fonte: receita adaptada de ABC da Bimby; bolos & biscoitos; pag. 344.

Arroz de bacalhau com tomate & pimentos

IMGP4584-Arroz de bacalhau-Blog.JPG

Uma receita simples e agradável de preparar este arroz de bacalhau, rende sempre algumas porções a mais e fica bastante económico.

Um prato tradicional da nossa gastronomia, não fosse o bacalhau um dos peixes mais consumido no nosso país. Com ele podemos preparar imensas receitas e quando se trata de refeições familiares o bacalhau marca sempre a sua presença.

Poderia ter optado por confecioná-lo apenas com tomate, mas adicionei o pimento que lhe confere um sabor único e delicioso. Escaldei as postas de bacalhau, apenas lhe dei um "entalão" como diz a minha mãe, aproveitando assim o caldo para fazer o arroz.

IMGP4589-Arroz de bacalhau-Blog.JPG

Ingredientes

1-2 lombos de bacalhau demolhado

1 cebola

1 dente de alho

azeite q.b.

1 molho de coentros

3 tomates sem sementes

1 pimento vermelho

pimenta q.b.

açafrão q.b.

1 ½ chávena almoçadeira de arroz carolino Bom Sucesso

 

Preparação

Dê uma fervura ao bacalhau, apenas 2-3 minutos. Reserve o caldo.

Deixe arrefecer, tire a pele e as espinhas ao bacalhau e faça-o em lascas.

Num tacho, faça um refogado com um fio de azeite, a cebola e o alho picados. Deixe alourar um pouco.

Adicione o bacalhau e envolva. Acrescente os coentros picados grosseiramente, os tomates e o pimento cortados em quadrados.

Tempere com pimenta, uma pitada de açafrão, tape o tacho e deixe cozinhar um pouco.

Adicione o caldo reservado (o dobro do volume do arroz). Retifique os temperos.

Deixe levantar fervura. Adicione o arroz, mexa e deixe cozer cerca de 10-15 minutos em lume brando e com o tacho tapado. Se desejar o arroz mais malandrinho acrescente mais um pouco do caldo.

Sirva o arroz com coentros picados.

IMGP4590-Arroz de bacalhau-Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- 45 minutos; dificuldade- fácil; doses- 4.

Receita patrocinada por: ORIVÁRZEA

logo Bom Sucesso.jpg

 

Empada de galinha com cogumelos salteados

IMGP4461-Empada de galinha com cogumelos salteados

Mais uma edição do Dia Um… Na Cozinha, o tema deste mês fez-nos trabalhar com o rolo da massa, acender os fornos e deixar que os aromas quentes e deliciosos das empadas invadissem as nossas cozinhas. Pequenos salgados muito populares da nossa gastronomia, constituídos por uma massa de farinha de trigo com diversos recheios e uma tampa feita da mesma massa.

Segundo se consta, as empadas teriam a influência dos pastelões portugueses bastante comuns na nossa gastronomia durante a época medieval. Mais tarde, século XIX, foram transformados em pequenos salgados vendidos habitualmente em cafés e padarias. Hoje em dia, salgados indispensáveis em qualquer destes espaços.

A minha opção recaiu sobre uma agradável empada de tamanho familiar. Fazendo assim o aproveitamento de um saboroso assado de galinha com molho de laranja que havia sobrado.

Foram salteados alguns cogumelos com coentros e posteriormente acrescentados ao recheio da galinha desfiada e seu respetivo molho. Resultou num casamento perfeito de sabores. Uma delícia!

E como os tempos são outros, para a preparação da massa não poderia dispensar a ajuda da Bimby que me faz sempre poupar algum tempo na cozinha.

Por isso, já sabe, sempre que tiver sobras de carne ou galinha assada, aproveite e faça pequenas empadas ou uma empada gigante. Desta forma, nada se desperdiça!

IMGP4462-Empada de galinha com cogumelos salteados

Ingredientes

p/ massa de empada

50 g de água

50 g de azeite

50 g de vinho branco

80 g de banha

2 colheres (chá) de fermento de padeiro

1 ovo

450 g de farinha tipo 65

1 colher (chá) de sal

 

p/ recheio

½ galinha assada no forno e respetivo molho

200 g de cogumelos laminados

azeite q.b.

1 molho de coentros

2 colheres (sopa) de farinha

2 gemas de ovo batidas com um fio de leite

1 ovo para pincelar

 

Preparação

Preparação da massa de empada feita na Bimby: no copo da Bimby, coloque a água, o azeite, o vinho branco, a banha e o fermento, aqueça 2 min/ 37º C/ vel 2.

De seguida, adicione o ovo, a farinha e o sal, amasse 2 min/ vel. espiga. Retire a massa para um recipiente, tape com um pano e deixe levedar num local morno cerca de 40 minutos.

Para o recheio: desosse a galinha, elimine as peles, desfie e coloque num recipiente juntamente com o molho previamente coado.

Numa frigideira, aqueça um fio de azeite e salteie os cogumelos juntamente com os coentros picados. Deixe evaporar o líquido que se vai formando.

De seguida, adicione a mistura da galinha e envolva bem, acrescente a farinha e mexa. Adicione as gemas batidas com um fio de leite, envolva e deixe cozinhar alguns minutos. Reserve.

Entretanto, unte uma forma redonda, de fundo amovível, com manteiga e polvilhe com farinha.

Divida a massa em duas partes desiguais. Numa bancada polvilhada com farinha, estenda a parte maior, com a ajuda de um rolo. Coloque na forma e acrescente o recheio. Estenda a outra parte da massa, cubra o recheio e una os bordos da massa de baixo para cima. Para que a empada fique bem fechada.

Bata o ovo e pincele toda a empada. Com a ajuda do bico de uma tesoura, faça um furo no centro da empada para que possa permitir a saída do vapor.

Leve ao forno, previamente aquecido a 200º, cerca de 30 minutos.

 

IMGP4464-Empada de galinha com cogumelos salteados

IMGP4468-Empada de galinha com cogumelos salteados

IMGP4465-Empada de galinha com cogumelos salteados

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil; doses- 6.

Logotipo Dia Um... Na Cozinha Março 2016 (1).jpg

 

 

Sopa de peixe com massa cotovelinho

IMGP4365-Sopa de peixe com massa cotovelinho-Blog.

Sopa de peixe um prato típico da culinária portuguesa. Tão rico em ingredientes como em sabores, estes valem por si só como um simples e delicioso prato principal.

Desta vez, apenas me coube a tarefa de partilhar convosco esta receita, quanto à sua confeção coube ao nosso chefe caseiro que esteve de serviço, pois é um especialista no que diz respeito a esta iguaria.

Uma sopa reconfortante que sabe sempre bem…

IMGP4363-Sopa de peixe com massa cotovelinho-Blog.

Ingredientes

1 cabeça de garoupa

2 posta de garoupa

400 g de miolo de camarão

500 g de amêijoas

4 cebolas

4 dentes de alho

6 colheres (sopa) concentrado de tomate

1 malagueta seca

1 dl de vinho branco

½ pimento vermelho

2 folhas de louro

2 batatas grandes

2 cenouras

1 chávena almoçadeira de massa cotovelinho

1,5 dl de azeite

sal q,b,

caldo de peixe q.b.

coentros q.b.

 

Preparação

Numa panela com água, temperada de sal, coza o peixe durante 15 minutos.

Retire o peixe do caldo,  limpe-o de peles e espinhas. Reserve o peixe e o caldo para a confeção da sopa.

Entretanto, num tacho deite o azeite juntamente com as cebolas e os alhos picados, deixe refogar alguns minutos. Acrescente o concentrado de tomate e a malagueta, envolva e deixe cozinhar alguns minutos. Regue com o vinho branco e deixe evaporar ligeiramente.

Adicione ½ pimento cortado em cubos e as folhas de louro, deixe cozinhar mais uns minutos e acrescente um pouco do caldo do peixe se necessário.

De seguida, adicione as batatas e as cenouras cortadas em cubos, acrescente mais um pouco do caldo de peixe, deixe cozinhar cerca de 5-10 minutos em lume brando.

Adicione mais caldo de peixe, deixe levantar fervura e junte a massa cotovelinho, deixe cozinhar cerca de 8-10 minutos em lume brando.

A seguir, acrescente o miolo de camarão, o peixe reservado em lascas e as amêijoas, deixe cozinhar mais 5-10 minutos até as amêijoas abrirem as conchas e a sopa apurar.

Retifique os temperos e retire o louro.

Sirva a sopa polvilhada com coentros picados.

IMGP4360-Sopa de peixe com massa cotovelinho-Blog.

 

IMGP4362-Sopa de peixe com massa cotovelinho-Blog.

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil; doses- 6.

Fonte: receita adaptada de “Gastronomias

Caldeirada de chocos

IMGP3924-cladeirada de chocos-Blog.JPG

Um prato tipicamente português e com diversas variantes. Nós por cá adoramos caldeirada, é sempre bem vinda quando se trata de um almoço de domingo partilhado e reconfortante.

Bom apetite!!

IMGP3925-Cladeirada de chocos-Blog.JPG

Ingredientes

6 chocos médios

1 mão cheia de amêijoas

6-8 batatas médias

2 cebolas médias

1 pimento verde

1 pimento vermelho

1 lata de tomate em pedaços

2 folhas de louro

2-3 dentes de alho

1 copo de azeite

1 copo de vinho branco

1 malagueta seca pequena

1 molho de salsa e coentros

colorau q.b.

sal e pimenta q.b.

 

Preparação

Escalde os chocos: numa panela, coloque os chocos, previamente limpos, adicione água até cobrir os chocos e deixe levantar fervura. Escorra os chocos, corte em tiras e reserve. Reserve um pouco da água de cozer os chocos.

Num tacho, disponha por camadas: cebola cortada às rodelas, os alhos picados, os pimentos às rodelas, o tomate, as batatas às rodelas e o choco. Tempere com sal, pimenta e colorau. Regue com um pouco da água dos chocos reservada, azeite e vinho branco.

Coloque novamente por camadas sobrepostas de cada ingrediente.

Tempere novamente, adicione mais um pouco de: água reservada, azeite e vinho branco.

Acrescente as folhas de louro e a malagueta aberta ao meio.

Leve o tacho ao lume e deixe levantar fervura. Tape o tacho e reduza o lume.

Deixe cozinhar cerca de 25-30 minutos. Quando terminar o tempo, verifique se as batatas estão cozidas e o choco deve ficar macio. Acrescente as amêijoas, previamente lavadas. Tape o tacho e deixe cozinhar mais alguns minutos, até que as amêijoas tenham aberto todas as conchas.

Sirva a caldeirada com salsa e coentros picados.

IMGP3928-Cladeirada de chocos-Blog.JPG

 

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil; doses- 4.

Pastéis de bacalhau

 

IMGP3670-Pasteis de bacalhau-Blog.JPG 

Pastéis ou bolinhos de bacalhau são uma especialidade da gastronomia portuguesa, podendo ser encontrados por toda a região Mediterrânea.

Os pastéis de bacalhau são um excelente petisco a degustar e bastante versáteis. Se estiver em casa acompanhe com um arroz malandrinho, se prefere ir para o campo e fazer um piquenique, não se esqueça, pois eles são deliciosos e muito práticos de transportar.

Bom apetite!!

IMGP3668-Pasteis de bacalhau-Blog.JPG 

 

Ingredientes

250 g de bacalhau cozido

350 g de batatas cozidas

1 cebola

2 dentes de alho

3 ovos

salsa q.b.

sal, pimenta e noz-moscada q.b.

óleo para fritar q.b.

 

Preparação - Bimby

No copo coloque a cebola, os alhos, a salsa e pique 5 seg/ vel 5.

Adicione o bacalhau, previamente cozido e limpo de peles e espinhas e misture 6 seg/ vel 5. Retire e reserve.

No copo limpo coloque as batatas, previamente cozidas e bata 6 seg/ vel 4.

Adicione os ovos, a mistura do bacalhau reservado, tempere com uma pitada de sal, pimenta e noz-moscada, misture na vel 4 até ficar uma massa homogénea.

Faça os pastéis com a ajuda de duas colheres de sopa e frite numa frigideira com óleo abundante.

Retire e coloque sobre papel absorvente para retirar o excesso de óleo.

 

Preparação - método tradicional

Numa tigela misture o bacalhau desfiado e as batatas. Acrescente a cebola e os alhos ralados e envolva muito bem todos os ingredientes.

Adicione um pouco de sal, pimenta, noz-moscada e a salsa picada, amasse bem.

De seguida, acrescente os ovos, um de cada vez, amassando sempre até atingir a consistência desejada.

Faça os pastéis com a ajuda de duas colheres de sopa e frite numa frigideira com óleo abundante

Retire e coloque sobre papel absorvente para retirar o excesso de óleo.

IMGP3665-Pasteis de bacalhau-Blog.JPG

IMGP3666-Pasteis de bacalhau-Blog.JPG

 

Informação: tempo de preparação- 1h30; dificuldade- média; doses- 25-30 unidades.

Bola de carne rápida

IMGP3671-Bola de carne rápida-Blog.JPG

Se procura algo que seja salgado para levar ao seu piquenique, esta bola de carne é muito simples, rápida de preparar e fica muito saborosa.

Adotei esta sugestão da mãe que a preparava para os nossos piqueniques. Levei-a para o nosso piquenique anual, entre amigos de longa data, onde esta Bola de carne foi substancial entre muitas outras iguarias que fomos degustando ao longo de um dia muito divertido.

O verão cheira a mar, campo, convívio e esta Bola é de certeza uma boa opção… 

IMGP3678-Bola de carne rápida-Blog.JPG

Ingredientes

1 chouriço de carne s/ pele

250 g de sobras de frango estufado/assado desfiado

150 g de bacon cortado em pedaços

4 ovos

200 g de azeite

300 g de leite

sal q.b

500 g de farinha, mais q.b p/ polvilhar

2 (colheres) de chá de fermento em pó

 

Preparação - Bimby

No copo, coloque o chouriço, o frango e o bacon, pique 4 seg/ vel 5. Retire e reserve.

 

No copo, coloque os ovos, o azeite, o leite e uma pitada de sal, bata 2 min/ 37º C/ vel 3.

Adicione a farinha e o fermento, amasse 1 min/ velocidade espiga.

Acrescente as carnes reservadas e com a ajuda da espátula envolva bem todos os ingredientes.

Unte uma forma com manteiga e polvilhe com um pouco de farinha, deite todo o preparado.

Leve ao forno, previamente aquecido a 180º, cerca de 40 minutos.

 

Preparação - método tradicional

Desfie o frango, corte o chouriço e o bacon aos pedaços.

Numa tigela, bata os ovos com o azeite e o leite, acrescente uma pitada de sal, a farinha, pouco a pouco, e o fermento, envolva bem todos os ingredientes até a massa ficar homogénea.

Adicione as carnes e envolva muito bem.

Coloque a massa na forma, previamente untada com manteiga e polvilhada com farinha.

Leve ao forno, previamente aquecido a 180º, cerca de 40 minutos.

IMGP3675-Bola de carne rápida-Blog.JPG

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil, doses- 8.

Torta de camarão

IMGP3432-Torta de camarão-Blog.JPG

A Torta de camarão é uma receita muito comum na região do Douro e Minho, onde normalmente é servida como uma entrada, acompanhada de uma deliciosa salada.

Esta é também uma receita bastante comum na nossa cozinha familiar. A mãe fazia-a com alguma frequência e para além de ficar deliciosa, fazia sempre um brilharete em qualquer evento familiar.

Hoje, partilho convosco a receita que encontrei aqui, adaptei-a e testei-a. Quem a provou admite que estava saborosa, embora reconheça que numa próxima vez deva diminuir a quantidade líquida na preparação do creme do recheio, para que este fique um pouquinho mais espesso.

Bom apetite! 

IMGP3431-Torta de camarão-Blog.JPG

Ingredientes

p/ massa

½ chávena almoçadeira de leite

3 colheres de sopa de farinha de trigo

2 gemas

3 claras batidas em castelo

sal e pimenta q.b.

 

p/ recheio

½ litro de leite

1 cebola

150 g de farinha de trigo

2 gemas

500 g de miolo de camarão cozido

½ chávena do caldo do camarão cozido

margarina q.b.

sal e piripíri q.b.

 

Preparação

Para a massa: desfaça a farinha no leite, adicione as gemas, as claras batidas em castelo e envolva muito bem, tempere a seu gosto.

Deite a massa num tabuleiro retangular, previamente forrado com papel vegetal.

Leve ao forno, previamente aquecido a 180º, cerca de 25 minutos.

Entretanto, prepare o recheio: pique a cebola e faça um refogado com um pouco de margarina, não deixe alourar muito a cebola.

Adicione o camarão, previamente cozido, ao refogado.

À parte numa tigela, bata as gemas com um pouco de leite e desfaça a farinha com este preparado. Gradualmente, acrescente um pouco do caldo de camarão, intercalando com o restante leite, até apresentar um creme homogéneo com uma espessura a seu gosto.

Adicione este preparado à mistura do refogado com o camarão, tempere a gosto e deixe apurar em lume brando.

Depois da massa cozida, retire o tabuleiro do forno e vire a massa sobre um pano. Recheie com o creme de camarão e enrole com a ajuda do pano.

 

Dica: na preparação do creme de camarão, pode não ser necessário utilizar a quantidade toda do leite, uma vez que vai utilizar um pouco do caldo do camarão. Se preferir adicione apenas o leite. Pessoalmente, preferi utilizar o leite e o caldo de cozer o camarão. Julgo ter ficado mais saboroso.

 

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil; doses- 6-8

Cataplana de polvo com batata-doce

IMGP3344-Cataplana de polvo com batata-doce-Blog.J

Já aqui tenho publicado algumas receitas, testadas e aprovadas, confecionadas na cataplana. Este utensílio de cozinha, típico da região do Algarve, confere aos alimentos um sabor único e delicioso, uma vez que tem a função de cozinhar os alimentos muito lentamente ao vapor.

Aproveitando a sugestão do blog Notas soltas & coisas doces confecionei, para o almoço de domingo, esta receita algarvia que nos deixou completamente rendidos ao seu sabor e aroma.

Ficaram a faltar as amêijoas que se poderão adicionar como opção, ficarão para uma próxima vez... 

IMGP3345-Cataplana de polvo com batata-doce-Blog.J

Ingredientes

1 polvo cozido

5-6 batatas-doces

100 g de toucinho magro cortado em cubos

1 cebola grande

1 pimento vermelho

1 pimento verde

2 dentes de alho laminados

1 malagueta

1 folha de louro

1 dl de azeite

1 dl do caldo de cozedura do polvo

½ copo de vinho branco

colorau q.b.

coentros

alecrim, tomilho e hortelã q.b.

sal q.b.

 

Preparação

Para cozer o polvo: deve cozer o polvo de véspera com 1 cebola, 2 dentes de alho esmagados com casca e 1 malagueta, cerca de 45 minutos. Reserve o caldo, corte o polvo em pedaços e reserve.

Descasque e coza as batatas. Deixe arrefecer, corte às rodelas grossas e reserve.

Na cataplana, verta um fio de azeite, deixe aquecer e adicione o toucinho, deixe alourar alguns minutos. De seguida, acrescente os alhos laminados para aromatizar o azeite.

Adicione, a cebola cortada às rodelas, os pimentos cortados às tiras e a folha de louro. Envolva e deixe tomar gosto. Refresque com o vinho branco e deixe ferver.

Acrescente, o polvo, o colorau, as batatas e um pouco do caldo de cozer o polvo. Adicione as ervas, previamente picadas. Tape a cataplana e deixe cozinhar lentamente, a uma temperatura média-baixa, cerca de 5-10 minutos.

Sirva a cataplana com coentros picados.

 

IMGP3348-Cataplana de polvo com batata-doce-Blog.J

Informação: tempo de preparação- médio; dificuldade- fácil: doses- 4

FonteNotas soltas & coisas doces